TETSAVÊ: “TSNIUT – A GLÓRIA DA FILHA DO REI”

Um vórt (“breves palavras de Torá”) sobre o Shemót 28:2, parashá Tetsavê 5774.

tzedakah

9 pensamentos sobre “TETSAVÊ: “TSNIUT – A GLÓRIA DA FILHA DO REI”

  1. Shalom,

    Nessa aula o Mestre nos ensina que é preciso tsinut, modestia para se apresentar a Hashem.
    Quando um mandamento é tratado com leveza toda Tora é enfraquecida!
    Aonde existe a falta de recato é ausente a Sechina. Na prática isso rompe o fluxo de bençãos na casa e vida da pessoa.
    Tsinut preserva a vida da pessoa e sua casa.
    Um assunto muito sério trazido pelo Mestre.

  2. Shalom Rabino Avraham. Permita-me um breve comentário acerca da presente aula.

    O recato em se vestir está diretamente ligado à Presença Divina em nosso lar e por extensão no mundo em que vivemos. Vemos no Sefer Bereshit que, Hashem em sua infinita misericórdia e bondade, fez vestimentas apropriadas para Adam e Chava após a queda do homem. É impressionante como Hashem fez isso por amor ao homem, pois assim, mesmo na condição caída ele poderia ser abençoado por D-us, enfim pudesse existir mesmo.

    Assim vemos o quanto se deve ter cuidado no recato da vestimenta. Importante é salientar que a mulher prudente, recata no vestir, traz a presença Divina para o lar propiciando as condições para que este lar seja abençoado. De modo inverso, o não recato, pode trazer condições para o pecado bem como a influência externa em outras mulheres. Vale lembrar ainda que o excesso de concentração nas tarefas do lar que ocupam a mulher podem igualmente distanciá-la da proximidade com Hashem, que D-us não permita; assim também todos os que se engajam demais nos afazeres do teatro da vida podem se deixar distanciar da vida de Torá. O que é muito perigoso para nossa vida espiritual.
    Este é um humilde entendimento sobre esta aula tão importante de nosso Mestre.
    Agradeço a oportunidade por comentá-la e peço perdão por algum erro de escrita ou compreensão aqui exposto.

    Tudo de bom.

    Respeitosamente,
    Robson Cleber Garcia da Silva

  3. Shalom estimado Rabino Avraham e amigos do Beit Arizal,

    Peço respeitosamente a licença de todos para comentar o presente shiur:

    Vivemos em tempos muito difíceis nas questões morais que entendo ser o resultado natural da grande falta de Torá nos lares. O Mestre mostra a importância do homem trazer Torá para sua casa, semeando uma mentalidade retificada em toda a sua família, prevenindo o secularismo de entrar no lar. Se até pessoas do povo santo de Israel sofrem tanto com as influências seculares, que dirá então as pessoas das outras nações que não tem Torá? Certamente é um desafio árduo trazer Torá para a casa, porém necessário para neutralizar em algum nível as forças do mal, que D-us permita.

    O Mestre então explica que de acordo com os Sábios da Torá, as mulheres se distraem mais facilmente devido ao envolvimento que elas precisam ter com suas tarefas mundanas, e o recato no vestir é fundamental para a prevenção das quedas da consciência que leva a pessoa a esquecer-se do Divino, D-us nos livre. Como é ensinado na série Zivuguim sobre os relacionamentos, a mulher precisa ser uma auxiliadora para que o homem se retifique, então o papel da mulher é fundamental, é ela que influencia fortemente na formação de seus filhos e sem recato seja no vestir, no falar, etc.; ela afetará negativamente seu lar contribuindo para o mal crescer no mundo, que D-us não permita.

    Assim o assunto de vestir-se com recato também é aplicável aos homens obviamente, e ele por sua vez precisa tomar grande cuidado para evitar as mulheres sem recato. Graças á D-us a influência do Mestre trouxe uma forte conscientização para que eu passasse a tomar mais cuidado para evitar as mulheres sem recato, não só a presença física delas, mas até mesmo na internet, nas redes sociais onde existem milhões de fotos de mulheres sem recato, D-us nos livre. Aqui trago a lembrança o shiur “Olho Vivo” do Mestre que mostra que o homem que quer temer á D-us precisa evitar fitar mulheres proibidas porque como ensina o Mestre os olhos tem uma ligação intrínseca com a alma. Que esse shiur me ajude a ter mais recato para me aproximar de Hashém a cada dia. Grato por tudo caro Mestre, tudo de bom!

    Respeitosamente, Emerson

  4. Shalom Rabino Avraham e amigos que estudam Torá neste portal santo. Permita-me fazer um humilde comentário sobre esta aula.

    Graças a D-us o Rabino Avraham nos ensina sobre um assunto tão importante a ser aprendido e praticado que é o recato no uso das vestimentas tanto pelas mulheres como pelos homens. Digo isto porque, no Brasil, o país que vivo, o recato no vestir não é muito praticado, e, saber que a Shechiná, a Presença Divina é afastada em ambientes onde o recato não é presente, causa-me preocupação. Porque onde não há recato existe a exposição do corpo e isto pode provocar certamente muito potencial para o pecado, principalmente onde a falta de recato é o tema principal como em algumas festas que ocorrem no Brasil.

    O Mestre nos aclara que o recato se estende também para o modo em que nos expressamos com nossas palavras, o respeito ao nos dirigirmos ao nosso Criador, Hashem, em nossas orações, no estudo da Torá e no lidar com o próximo e até mesmo com toda a criação.

    O vestir com recato é muito importante para uma relação com respeito em todos os nossos relacionamentos, certamente conforme nós nos apresentamos vestidos estaremos indicando um respeito e valorização do outrem. Quanto mais quando somos instruídos pela Torá como é o caso. Nossa vestimenta realmente diz muito sobre quem somos.

    Agradeço mais uma vez ao Rabino Avraham por este ensinamento tão importante visando o aperfeiçoamento de todo aquele que quer se conectar verdadeiramente com Hashem e trazer elevação e retificação do mundo que vivemos, para que possa assim colaborar para o apressar da vinda do único e verdadeiro Mashiach, amém.

    Peço perdão ao Rabino Avraham e aos amigos por algum equívoco de escrita ou entendimento neste pequeno comentário.

    Shalom e tudo de bom.

    Respeitosamente,

    Robson Cleber Garcia da Silva

  5. Shalom Rabino Avraham,

    Permita-me Mestre realizar um breve comentário sobre o presente shiur.

    A presente aula aborda a importância da santidade para estarmos conectados com Hashém, em especial com relação as vestimentas e de como todos, em especial as mulheres, devem tomar cuidado com isso valorizando o recato.

    Para aqueles que queiram assistir um outro shiur sobre o assunto recomendo a video-aula “Pintura de Guerra” do Projeto Conexões. Nesta aula o Rabino Avraham ressalta da responsabilidade das mulheres frente a comunidade em que vivem.

    Por fim o shiur também ressalta questões relacionadas à santidade de modo geral. Assuntos que encontram conexão com as aulas “Redenção Quântica”, “A Redenção da Fala” e “Expansão Cerebral – Parte 1”. Tenho certeza de que aqueles que tiveram contato com o presente shiur e se aventurarem nestas outras aulas aqui mencionadas poderão ampliar seus horizontes em relação a aspectos relevantes da santidade elemento essencial para a vinda do único e verdadeiro Mashiach que seja em nossos dias, amém.

    Obrigado por esta oportunidade Mestre.

    Tudo de bom!

    Davi Niemann Ottoni

  6. Shalom Rav,

    Venho por meio deste comentário trazer alguns breves entendimentos que eu obtive ao estudar novamente o shiur.
    O Mestre nos traz o exemplo de Moshe, de que para se chegar a Hashem é preciso faze-lo com tsinut, ou seja o recato é algo vital na aproximação com o Divino.
    Não é um trabalho fácil crescer em tsinut mas as recompensas são grandes em emunah e bitachon. Somente com tsinut é que nos tornamos um recipiente adequado para receber o fluxo de bençãos dos Céus.
    Tsinut é um assunto elementar no judaísmo e ele deve estar presente em todos os aspectos da vida, desde o vestir, falar, pensar e agir.
    Aprendi a ter tsinut até mesmo nos contatos com o Rabino, o qual tive que buscar aperfeiçoar meu recato nas palavras e maneira como dirigir ao Mestre.
    Que Hashem permita eu redobrar meus cuidados com esse aspecto em minha vida.

    Tudo de bom.

    Thiago

  7. Shalom Rabino Avraham e amigos. Permita-me fazer um breve comentário sobre o aprendizado dessa importante aula.

    Aqui o Rabino nos trás a importância do recato em nossa forma de vestir para que venha a Shechiná – a Presença Divina – em nossa vida, no lar e na família. São vários os ensinamentos, mas com relação à vestimenta física propriamente dita, é importante não deixar partes do corpo à mostra pois além disso afastar a Shechiná pode servir de exemplo para que outros o façam e espalhe este erro. O Mestre também nos lembra a respeito das vestimentas de nossa alma: o pensamento, fala e ação, igualmente devem ter o mesmo cuidado, ou seja, o recato para com o que estamos pensando, falando e naturalmente, agindo. Neste sentido, é muito importante que o homem leve Torá para sua casa, sua família ( esposa, filhos ) através do ensino e prática constantes, pois certamente isto irá contribuir para o recato em todas as vestimentas e também para a disseminação do recato a outros através de ações concretas.

    O Rabino também nos mostra como Moshé foi humilde e agiu com recato ao levar para Hashem as petições que chegavam a ele, como por exemplo, no caso das irmãs que pediram para ele rever uma questão de herança e estavam com receio da reação de Moshé pois o pai delas tinha feito maledicência de Moshé antes de falecer; no entanto, Moshé levou a petição delas com recato e humildade a Hashem independentemente do que havia ocorrido, um verdadeiro exemplo de perdão e humildade – recato – a ser seguido.

    Para finalizar, nos é demonstrado quando iniciou a importância do recato com relação à vestimenta, uma vez que, lá atrás, no episódio da queda de Adam e Chava, Hashem providenciou túnicas de pele para vesti-los para que a Shechiná não afastasse deles, sendo portanto um arquétipo para toda a humanidade dessa questão.

    Agradeço ao Rabino Avraham por este ensinamento e pela oportunidade de comentar este shiur. Peço perdão por algum erro de escrita ou de pensamento aqui expressos.

    Shalom e tudo de bom.

    Respeitosamente,

    Robson Cleber Garcia da Silva

  8. Shalom Rabino Avraham !!!

    Peço respeitosamente a licença de todos que a este santo canal acessam para comentar o presente shiur:
    Sabemos que vivemos em tempos sensíveis nas questões morais e que minimamente entendi ser o resultado natural da grande falta de Torá nos lares. Nesta aula o Rabino nos mostra a importância do homem trazer a sagrada Torá para a sua casa, auxiliar na semeadura de uma mentalidade retificada para toda a sua família, prevenindo assim o mundanismo de de entrar no seu lar.
    Internalizo também que todo o Homem observante da Torá deve sempre ajudar a sua esposa nas questões espirituais, pois elas sempre estão muito ligadas aos seus afazeres domesticos e acabam se envolvendo mais com a materialidade, todo o cuidado é pouco, a observância do recato em se vestir está diretamente ligado à Presença Divina em nossos lares e por extensão no mundo em que todos vivemos.
    Agradeço ao Mestre por este ensinamento tão maravilhoso sempre visando o aperfeiçoamento de todo aquele que quer se conectar verdadeiramente comD-us.
    Respeitosamente
    Fabricio Capelletti

  9. Shalom Rabino
    Se o Sr permitir, gostaria de registrar este comentário.

    O Sr Rabino nos ensina que D’us criou o mundo em duas dimensões: oculto e revelado. Aquilo que se manifesta também oculta e só aquele que revela santidade pode encontrar nas profundezas e raízes espirituais ocultas a verga de D”us. Vestir-se de santidade é ser um veículo para trazer a presença de Hashem neste mundo.
    Recato, portanto, é manter pudor no vestir físico mas também é manter pudor para que as vestimentas da alma sejam pura santidade
    Retidão se aplica, assim, às nossas roupas, mas também aos nossos pensamentos, falas e ações. Nem tudo que se pode pensar deve ser pensado. Nem tudo que se pode falar deve ser dito. Nem tudo que se pode fazer deve ser realizado.
    O homem que vive com recato vive em retidão e veste-se de santidade.

AVISO: COMENTÁRIOS NÃO SERÃO RESPONDIDOS

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s