3 pensamentos sobre “KI TETSÊ: “FASCINANTE MULHER”

  1. Baruch Hashem por esse shiur.
    Importante aprender que devemos observar tudo por uma ótica positiva.
    Perceber que a iester hara tentará nos desviar do caminho da kedusha através de transgressões.
    é necessário fazer Teshuva quando cairmos e retificarmos nossa consciência, e ver que a realidade a qual estávamos era ruim, danosa.
    “quando saires a guerra com o seu inimigo” é necessário subjugar as forças do mal, é preciso dar tsedaca antes de sair pra guerra, a tsedaca salva da morte.
    Shalom
    Thiago

  2. Shalom a todos, gostaria de agradecer ao mestre Rabino avraham pela sua ilustre e caríssima interpretação e trazendo de forma solida/concreta, os aspectos, características dessas cessações que provem da alma que estão ligada a Hashem, que dessa forma nos introduzindo a series de julgamentos por nossos atos aqui nesse mundo, ou em alguns exílios específicos a qual uma alma “pode está “ou “prender-se ” através de seus atos errados nestas dimensões que (D’us nos livre) e Graças a D’us o comentário do Mestre nos mostra uma saída bastante importante através da tzedacá e assim nós dando força, e para aqueles que estão preso na galut. É uma oportunidade, fazendo com gestos de bondade e reconhecendo seus erros, ganhado força e saindo desse exílio , e que assim seja!!!! , que D’us nos abençoe bahatzlacha e um bom ano a todos, shalom
    thiago Araujo de Melo Ramos

  3. Shalom caro Rabino Avraham e amigos do Beit Arizal,

    Peço a licença do Rabino Avraham e dos amigos para comentar brevemente sobre este shiur:

    Aprendo com este shiur a importância de interpretar a realidade sempre como positiva a despeito das dificuldades que se apresentam em meu caminho, compreendendo que tudo são manifestações da benevolência divina, abandonando as visões pessimistas, a tristeza e toda espécie de baixeza para me tornar um recipiente de coisas retificadas, que D-us permita.

    Esta Parashá fala da mulher formosa que cativa a atenção do soldado durante a guerra, assim entendo que na minha guerra espiritual as forças do mal sempre querem me distrair e me seduzir com coisas que podem me afastar da Torá, que D-us não permita, mas felizmente a Parashá ensina como lidar com essa situação e encontrar a verdade que está por traz de cada ilusão e sedução desse mundo, capacitando a pessoa a se focar cada vez mais firme no Divino. Que D-us permita sucesso para todos nós nessa guerra constante, Shalom e tudo de bom!

    Respeitosamente, Emerson

AVISO: COMENTÁRIOS NÃO SERÃO RESPONDIDOS

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s