A VIAGEM DE YOSSÊF

Misticamente, as Arba Mitot Bet Din (“As Quatro Punições Capitais Bíblicas da Corte”) – queimando, abatendo pela espada/decapitando, estrangulando e apedrejando – são o lado da severidade sem adoçamento algum para o que foram então os testes dos patriarcas; indicando que estes testes ainda que difíceis, tiveram constante misericórdia divina. Veja: Avraham avinu passou pela fogueira; Yitschak avinu pelo abate da faca; Ya’acov avinu lutou com o anjo e passou o estrangulamento. Agora, Yosseêf HaTsadik sobreviveu o apedrejamento. Mas, como é que Yossêf foi apedrejado?. E assim entendi que os dez irmãos de Yossêf usaram um Shem Kodesh (“Nome Santo de Hashem”) para imobilizá-lo, deixando-o completamente confuso e perdido, tal como uma pedra atinge uma pessoa na cabeça e ela então cai inconsciente. Sua queda foi profunda, como em um poço. E é dito: “Bohu [‘confusão’] alude ao apedrejamento por pedras – ‘pedras de confusão’ [Isaías 34:11] – que se afundam no grande abismo para punir os perversos” (Zohar 11a, Prólogo). E a sua intensa confusão eram as “cobras e escorpiões” – os shedim/demônios do “poço” de sua consciência que o atacaram e criaram as distorções da realidade a que ele foi submetido neste duro teste – um longo sonho turbulento – e que só terminou com os perfumes doces que Yossêf cheirou e despertou quando colocado na “Caravana de ismaelitas que vinha de Guilad, e seus camelos levavam cera, bálsamo e goma odorífera” (Bereshit 37:25, Vayeshev). A moral aqui também é psicológica: somente ao lidar com a psique/subconsciente ela poderá então ser retificada, e a pessoa curada e amadurecida. A “viagem” de Yossêf foi este arquétipo.

Eu entendi também que a guemátria ordinal (mispar siduri, na versão com sofit) do passúk/verso אל תשפכו דם השליכו אתו אל הבור הזה Al tishpechu-dam hashelichu oto el-habor haze, “Não derrameis sangue! Jogai-o neste poço que está no deserto” (Bereshit 37:22) é 275, a mesma que encontrada para o passúk de Ezequiel 32:8, ou seja, הרע ha-Ra’ah, “o Mal”. Jogar Yossêf no poço foi um grande “mal” feito a ele, mas que no fim levou ao bem maior, pois a Providência Divina estava come ele, baruch Hashem.

tzedakah

AVISO: COMENTÁRIOS NÃO SERÃO RESPONDIDOS

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s