ZÁYIN

Um shiur do Rabino Avraham que aborda a natureza dos conflitos, entre outros insights muito profundos.

Ver resenha do título ÁLEF.

PALAVRAS CHAVES: O cetro do rei, a história de Estér, Hashgachá Pratit (“Providência Divina”), a supervisão Divina é distinta para pessoas ou grupos diferentes, níveis de entendimento sobre a Providência, sensibilização espiritual, biologia: “seleção natural” reflete à espiritual, D-us é oculto na natureza, o paradoxo do livre arbítrio, os paradoxos só existem no nosso nível de realidade, escolhas: viver e sobrevivê-las, impulsos nas escolhas dos jovens, a importância vital do estudo da Torá na “seleção espiritual”, o “espanto” diante das obras de Hashem, a aproximação ao espiritual através do mistério sobre as coisas incompreensíveis do mundo, zayin significa “arma”, a natureza dos conflitos, a função mais potencial elevada dos conflitos com intenções corretas, o aprendizado com os conflitos, a “fusão” de atributos opostos através do conflito positivo, a convergência da união e santidade, não existe união do mal, o mal é “externo”, os conflitos aqui em baixo são reflexos dos conflitos espirituais em cima, “pilpúl”: o conflito talmúdico em busca da verdade que quebra as klipót (“cascas”), o número sete: a compactação máxima de uma ideia, Shabat: o sétimo dia da criação, a obrigação do judeu de respeitar o Shabat, o sétimo dia eleva os outros seis, a “espiral” evolucionária judaica, o olám habá (“mundo vindouro”), a presença do sete na criação.

tzedakah

AVISO: COMENTÁRIOS NÃO SERÃO RESPONDIDOS

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s