VAYIGASH: “PARA PRESERVAR VIDAS”

Um vórt (“breves palavras de Torá”) sobre o Bereshit 45:5, parashá Vayigash 5775.

Música: O cantor Belzer, Reb Y. Damen no casamento Satmar de Reb Aharon Teitelbaum.

tzedakah

Um pensamento sobre “VAYIGASH: “PARA PRESERVAR VIDAS”

  1. Shalom Rabino Avraham,

    Esta aula muito profunda mostra como tudo na Torá tem muitos níveis de profundidade e a importância que certas ações individuais têm na história do povo judeu, e na vida particular da própria pessoa, no caso o pacto sagrado com Hashem.

    A história de Yossef, o qual era filho preferido de Yaakov, e acabou sendo levado para um local de extrema impureza mostra isso, pois o mundo secular analisa tudo do ponto de vista apenas das causas e efeitos externos e ditados pelas leis das ciências naturais e estudos sociológicos. Mas o literal é apenas o primeiro nível interpretativo da Torá, e a medida que maior profundidade é alcançada através desta aula podemos ver a importância cosmológica da ida de Yossef para o Egito.

    A queda de Yossef para o lugar mais baixo espiritualmente representa, como ensinado na aula, o objetivo da criação por D-us, que é criar uma moradia para Ele próprio em uma dimensão em que Sua própria existência é questionada e não sentida diretamente, isto devido ao fato do mundo ser uma ocultação em que as kelipót obscurecem a Luz Divina. Creio que Yossef atingiu níveis impossíveis de serem atingidos caso não descesse ao Egito, e lá recebeu o título de tsadik. Justamente no local mais baixo ele conseguiu sobrepujar as forças do mal e destacar-se através da restauração da sefirá de Yessód, relacionada ao tsadik e ao órgão sexual, o qual tem o maior dos potenciais de conexão com D-us.

    As lições seguem mostrando que o tsadik através da retificação do pacto sagrado e a manutenção de seu status de santidade, tem o poder de se conectar a D-us e trazer redenção ao povo de Israel e ao mundo, e cada um deve almejar ser um Yossef, na medida do potencial pessoal de cada um. Pois hoje em dia estamos num estado de exílio e as forças da impureza mais fortes do que nunca, e portanto a restauração da pureza do brit é vital para iluminar o escuro exílio e acelerar a redenção.

    Reforcei meu pensamento de como é fundamental restaurar a sefirá de Yessód, pois ela é o canal para todas as bençãos, e ela relaciona-se ao brit, que por sua vez é um dos maiores, senão o maior, teste para o homem. E o poder desta restauração é responsável por iluminar o judeu e todo o mundo, o qual está repleto de baixarias e impurezas, como era no Egito.

    Desejo saúde e felicidades ao senhor.

    Shabat Shalom, Moshe

AVISO: COMENTÁRIOS NÃO SERÃO RESPONDIDOS

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s