ASSÉRET YEMÊI TESHUVA

Asséret Yemêi Teshuva são os “Dez Dias de Arrependimento” entre Rósh Hashaná e Yom Kipur – um tempo valioso para a teshuva. E eis aqui mais um shiur de Mussár (“ética e moral”) místico do Rabino Avraham Chachamovits sobre a teshuva, baseado no seu livro: “A Bondade para Avraham”, Shabat Teshuva & Yom Kipur, pág. 485.

tzedakah

Um pensamento sobre “ASSÉRET YEMÊI TESHUVA

  1. Shalom Rabino Avraham e amigos que estudam Torá neste Portal Santo.
    Permita-me um breve e humilde comentário acerca desta aula tão importante.

    Graças a D-us por mais estes aprendizados que o Rabino Avraham nos concede revelando a importância de todo homem reconhecer e proclamar todo milagre que D-us fez a ele, pois isto ascende aos Céus e realmente os louvores subirão com força e intensidade. Da mesma forma, o homem em suas faltas deveria ser rápido em confessar suas transgressões a D-us e se arrepender (fazer Teshuvá) antes de o acusador ter a oportunidade de apontar sua condição como um ímpio.

    Muito importante saber que as condições do pecado do homem estão ligadas com o tempo, se relacionando à sua condição de pecador: se está consciente do erro e mesmo assim opta por fazê-lo (ligado ao passado), se é ignorante quanto ao pecado cometido (ligado ao presente) ou se por seu descuido – negligência à prevenção do ato cometido – (ligado ao futuro). De qualquer forma, é fundamental que, estejamos sempre atentos em qualquer das condições acima com relação ao nosso relacionamento com Hashem., Pois um homem que está com seu coração aplicado ao estudo de Torá, aos Atos de bondade e ao arrependimento sincero ( com coração quebrantado e decidido a não cometer mais o erro, lutando contra o outro lado), certamente terá uma melhor condição de resistir à yetzer hará.

    Aprendi ainda que Hashem em sua benevolência,, mesmo quando o homem peca, oferece através da Teshuvá, a oportunidade dele se tornar limpo novamente e até que seus atos errôneos se tornem em méritos! Como Hashem é incomensuravelmente bom!

    Estamos no período que se aproxima de Yom Kipur. Que façamos nossa teshuvá, aplicando nosso coração ao arrependimento sincero e à decisão de termos condutas voltadas para o bem e a retidão, para que possamos ter a oportunidade de ter um ano novo bom e doce e certamente com uma consciência espiritual mais elevada e assim, estarmos mais preparados para a redenção final com a vinda de Mashiach, amém!

    Agradeço ao Rabino Avraham por mais este ensino precioso desejando tudo de bom e doce para ele e para os amigos que estudam aqui.

    Respeitosamente,

    Robson Cleber

Deixe uma resposta para robsoncleber Cancelar resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s